Enoturismo em Western Cape: 6 quintas vinícolas para explorar

In Cape Town, Features, Jantares vínicos, Restaurants, South Africa, Vinhos by Luanda NightlifeLeave a Comment

English version coming soon

Produz-se vinho na África do Sul há mais de 350 anos; o país é o oitavo maior produtor de vinhos no mundo e 4% do vinho exportado no planeta vem daqui. A região sul-africana que mais vinhos produz é a província de Western Cape, precisamente onde está localizada a cidade de Cape Town. Felizmente para nós angolanos, apenas 4 horas de voo separam-nos deste paraíso vinícola; é a região vinícola de renome mundial mais próxima ao nosso país. Muitas das quintas vinícolas que aqui descrevemos oferecem tours guiados onde é possível testemunhar a produção do vinho desde a uva à garrafa; a maioria tem restaurantes, todas fazem provas de vinhos, e algumas até têm quartos para hóspedes. Para os amantes da enologia, a província de Western Cape oferece uma experiência inesquecível, surpreendente e relativamente acessível.

As principais zonas vinícolas de Western Cape são Stellenbosch, Paarl and Robertson; é uma região com um terroir único no mundo, de onde saem vinhos brancos com sabores tropicais de castas como Chenin blanc e Colombar, e vinhos tintos frutados e complexos das castas de Cabernet Sauvignon ou ainda de Pinotage. O LNL esteve em Cape Town em Março d0 ano em curso a convite da Wesgro​, agência oficial de promoção de investimento, turismo, e comércio da Western Cape, e visitou várias quintas vinícolas na província. Partilhamos aqui algumas das nossas preferidas, realçando, com ênfase, que de modo algum esta pequena lista que segue é exaustiva. Existe muito, mas muito mais para ver; esta é apenas uma pequena amostra da riqueza enoturística de Western Cape.

Dica do LNL: Se fizer provas de vinhos, procure não conduzir. Existem vários serviços de aluguer de viatura com motorista por cerca de R2150 (160 USD) por dia para um carro de 4 lugares (sem contar com o motorista).

*A TAAG voa para Cape Town às segundas, quartas e sextas. A partir de Outubro, passará a voar para Cape Town de segunda à sexta.

Mooisplaas Wine Estate

Esta é seguramente uma das quintas mais bonitas que visitamos durante a nossa última estadia em Western Cape; foi também aqui que bebemos o mais saboroso Chenin Blanc na província. O Mooisplaas Wine Estate está em funcionamento desde 1806; a casa principal da quinta, um monumento nacional, está intacta até hoje e respira história. É precisamente nesta casa onde decorrem as provas de vinho. A mais simples custa R25 por pessoa e inclui 5 vinhos das colecções Langtafel e Classic; a mais interessante custa R50 e inclui 5 vinhos da colecção Mercia, a mais premiada da quinta. Alternativamente, pode ter uma prova personalizada e um tour pela extensa quinta, como nós fizemos, ligando de antemão para reservar com a gerência.

Para além de ser uma quinta vinícola, ou Mooisplaas Wine Estate é também uma reserva natural com 70 hectares e mais de 5km de trilhos de caminhadas com vistas de cortar a respiração. Alternativamente, pode encomendar um picnic nos jardins da quinta acompanhado por vários vinhos; os picnics vão de R280 a R450. O Mooiplaas não tem restaurante, mas os picnics, que incluem várias guloseimas da casa, é uma alternativa interessante. A quinta fica a cerca de 45 minutos do centro de Cape Town, em pleno coração de Stellenbosch.

Contactos
Tel:+27 21 200 7493
mooiplaas.co.za

Rust en Vrede

Esta quinta é um dos expoentes máximos da cultura vinícola da região de Stellenbosch pela qualidade dos seus vinhos, pela qualidade do seu restaurante e pela sua história. Situada a cerca de 45 minutos do centro da cidade de Cape Town, a quinta do Rust en Vrede foi fundada em 1694 e desde 1977 produz apenas três variedades de vinhos tintos: Syrah, Cabernet Sauvignon e Merlot. Os vinhos produzidos em Rust en Vrede são de alta qualidade e já ganharam dezenas de prémios internacionais. A quinta em si é de uma beleza singular: colinas verdes, vinhedos até o horizonte, e Table Mountain lá longe…

Quando for a Rust en Vrede, faça a prova de vinhos no Tasting Room; os preços variam de R40 a R80. Aproveite e faça também um tour pela quinta e a adega. Mas por favor, não fique apenas pelo vinho. O restaurante do Rust en Vrede é um dos melhores não só da África do Sul mas do continente africano, e foi o local escolhido por Nelson Mandela para celebrar o seu Prémio Nobel da Paz. A rainha da Dinamarca também escolheu este restaurante para almoçar quando esteve em Cape Town, mas não precisas de ser realeza para usufruires do menu de degustação harmonizado com os melhores vinhos da quinta. É uma experiência inesquecível.

Contactos
Tel: +27 21 881 3881
www.rustenvrede.com
Os preços do menu de degustação variam de R720 (4 pratos) a R2220 (refeição de 4-5 horas com os melhores vinhos da casa). 

Anura Vineyards

Foi aqui que bebemos o excelente Grenache Noir, um vinho tinto claro e elegante com ligeiro aroma de pimenta branca e frutos vermelhos; vem também a memória o Sangiovese, outro tinto e um dos melhores vinhos da casa. Este idílico vinhedo no sopé das montanhas de Simonsberg, a cerca de 40km de Cape Town, é especialmente focado na produção de vinhos tintos, entre eles o Malbec, Pinotage Syrah, Merlot, Cabernet Sauvignon e o já mencionado Grenache Noir, mas também produz uma série de vinhos brancos tais como o Sauvignon Blanc e o espumante seco Anura Brut MCC (Method Cap Classique).

Contudo, em Anura consume-se muito mais que vinho. A família Bouma aproveitou a quinta para desenvolver outros produtos de qualidade, incluindo cervejas artesanais; no Wagon Tail Brewery, um dos restaurantes e bares da quinta, poderá beber uma série de cervejas totalmente produzidas no local. Alem de bebidas, a quinta possui uma charcutaria sob a marca 12 Pigs, produz queijo sob a marca Forest Hill Cheesery, e um leque de molhos gourmet da marca Froggit. Faça uma prova de vinhos, prove os queijos e enchidos produzidos na quinta, e marque um tour da mesma. Deixe a visita ao principal restaurante da quinta, chamado The Trading Post, para o fim: o maravilhoso bife emparelhado com os tintos da casa vão deixá-lo praticamente imóvel.

Contactos
Tel:+27 21 875 5360
www.anura.co.za
Alguns vinhos Anura são vendidos em Angola, nas lojas da Shoprite

Linton Park Wines

A indústria vinícola sul-africana é dominada pela população branca, que detém a esmagadora maioria das empresas de produção de vinho local. Durante a sua história de mais de 360 anos, a população negra era apenas utilizada como mão de obra barata. Até aos dias de hoje, o vinho não é muito consumido pela população negra sul-africana, que tende a preferir cerveja, cidra e outras bebidas espirituosas. Contudo, este paradigma começa a mudar: em 2016 foi criado um grupo de promoção e marketing de 14 marcas de vinho detidos por negros (e não-brancos) sul-africanos chamado Treasure Chest (website oficial aqui), que tem como principal objectivo a produção e distribuição de vinhos de qualidade pelo segmento que historicamente tem sido excluído desta indústria. 98% das marcas de vinho deste colectivo são detidas por mulheres.

Na quinta do Linton Park Wines, situada a uma hora de Cape Town e a 15 minutos da pequena cidade de Wellington, é possível fazer provas de duas marcas de vinhos do colectivo Treasure Chest: o Bridge of Hope, de Rosemary Mosia, e Libby’s Pride, de Libby Petersen. Os vinhos da casa, entre eles o Pinnacle, Linton Park Reserve, Estate Range e Rhino Range, não devem ser descurados. Por fim, a casa principal da quinta foi construída em 18o9 e está muito bem conservada; é um destino por si só e torna o tour ainda mais agradável e educacional.

Contactos
Tel:+27 21 873 1625
lintonparkwines.co.za

Diemersfontein Estate

Muito já foi dito e escrito sobre a uva tinta Pinotage, uma invenção sul-africana resultante das uvas Pinot Noir e Cinsault (conhecidas localmente como Hermitage). Nem todos são fãs dos vinhos provenientes desta uva, mas a quinta do Diemersontein é mundialmente conhecida pelo seu famoso Pinotage, que contem aromas de chocolate e café e já recebeu vários prémios locais e mundiais. Não existe qualquer adição de chocolate ou café nestes vinhos; todo o sabor e aroma vem do terroir (solo) da quinta. Tão famoso é o Pinotage de Diemersontein que a quinta organiza um festival anual – o Pinotage on Tap – para celebrar este vinho e servi-lo directamente do barril para milhares de apreciadores.

O Pinotage não é a única história de sucesso no Diemersontein Estate; o Malbec e o Sauvignon Blanc são também muito bem referenciados, tendo este último ganho o prémio de Melhor Vinho Branco de 2016 no RMB Winex, um dos mais importantes festivais de vinho na África do Sul. Esta é também a casa dos vinhos Thokozani, mais uma das marcas do colectivo Treasure Chest. Foi a Denise Stubbs, directora geral da Thokozani, que nos recebeu na quinta e nos proporcionou um almoço harmonizado com os seus vinhos no Seasons, o restaurante do Estate. A cereja por cima do bolo: o Diemersfontein tem uma guesthouse onde pode passar a noite…ou várias. A quinta fica a uma hora do centro de Cape Town.

Contactos
Tel:+27 21 864 5050
www.diemersfontein.co.za

[/x_map]
Muratie Wine Estate

Fundada em 1685, o Muratie Wine Estate é o estate mais antigo que vistiamos em Western Cape e um dos mais antigos do país. A história do local vê-se no respeito que têm pelas tradições antigas de gerações antepassadas, e é possível ver o processo de produção de vinho do princípio ao fim no tour guiado oferecido pelos nossos anfitriões. Se tiver sorte ainda provará um vinho directamente do barril, como aconteceu aquando a nossa visita. E já que falamos sobre vinhos, importa realçar que nesta quinta bebe-se muito bem. Os vinhos da casa têm todos os nomes de figuras importantes da história da quinta, e Muratie é conhecido por produzir excelentes vinhos de corte (também conhecido por blends, ou seja, vinhos produzidos com diferentes variedades de uvas), Pinot Noir, Shiraz, Chardonnay, vinho espumante e vinho do porto.

Para ter uma experiência completa na quinta Muratie, e beber da rica história deste local, faça o tour completo, visite a adega e almoce por lá também. É uma viagem a um passado distante. Se quiser, pode também passar a noite GP Canitz Guest Cottage, a guesthouse da quinta. Muratie Wine Estate fica localizado em Stellenbosch, a 45 minutos do centro de Cape Town; as provas de vinhos variam de R35 (standard) a R60 por pessoa (premium). O restaurante está aberto para o almoço de quarta a domingo, do meio dia às 15.

Contactos
Tel:+27 21 865 2330
www.muratie.co.za

Comments

comments